• Andrey Marcon

O que as empresas devem esperar sobre o futuro das NRs?


Não é novidade que a robótica avançada se faz cada vez mais presente em empresas para a automatização de processos.


Porém, com a tecnologia sempre em evolução, os processos industriais também evoluem continuamente.


Com isso, a tendência é de que trabalhos repetitivos sejam cada vez mais substituídos por máquinas e equipamentos digitais, e a presença humana seja focada na realização de funções estratégicas.


Além de otimizar os processos aumentando a produtividade e diminuir custos a longo prazo, o uso da tecnologia também diminui os riscos de acidentes de trabalho, uma vez que dispensa muitas tarefas manuais que expõe a saúde do trabalhador.


Por conta destas mudanças, espera-se que as Normas Regulamentadoras também sejam modernizadas.


Afinal, se os processos de trabalho evoluem, os regimentos que garantem a segurança neste meio também precisam acompanhar esta evolução.


No Brasil esta modernização tem sido lenta, pois as próprias NRs impedem a implementação de novas tecnologias pela falta de normas que prevejam a segurança do uso de tais ferramentas.


Contudo, várias propostas de alterações nas NRs já vêm sendo observadas nos últimos anos, e algumas já foram colocadas em prática.


Em 2019, com o propósito de flexibilização e corte de custos, a NR-12, que regulamenta a interação entre trabalhadores e máquinas, já sofreu alterações focadas em acompanhar as transformações tecnológicas.


A tendência de modernização destas normas deverá buscar não somente iniciativas de segurança em meio a novas ferramentas de trabalho, mas também uma melhor relação entre empresa e funcionário.


Isto resulta em benefícios para ambos, por isso é importante acompanhar as flexibilizações e mudanças que certamente ocorrerão em curto espaço de tempo. Assim, as empresas se adequam às modernizações.


Ao trabalhar com a Tríade, seu empreendimento estará sempre atualizado e de acordo com as regulamentações legislativas vigentes, além da segurança dos seus colaboradores estar em mãos de profissionais altamente capacitados com mais de 15 anos de experiência.

4 visualizações